Filme | Crimson Peak

|

Andei ansiosa, ansiosa por ver este filme desde o primeiro dia em que me lembro de ver o cartaz numa paragem de autocarro, ainda antes de estrear no cinema. Não o fui ver ao cinema, porque não é o género de filmes do João e não gosto de ir sozinha, prefiro ver em casa. 
Esperei, ansiosamente, pela oportunidade de o ver... Foi, finalmente, este fim de semana.
O filme de que vos falo é o Crimson Peak (ou Colina Vermelha, se preferirem, eu gosto do original). Quando vi o cartaz, nem sabia sobre o que era a história, mas sim, eu sou dessas pessoas que se deixam cativar pelo cartaz, assim como se fosse amor à primeira vista (e foi muito parecido, porque andei louca para ver o filme). Vi o trailer e fiquei ainda com mais curiosidade.
A expectativa era, portanto, muita. Como todos os amores, existem coisas que nos agradam e outras que nos decepcionam e a minha história com este filme foi assim, talvez também em muito influenciada pela minha ansiedade e grande expectativa em vê-lo.



Crimson Peak, foi lançado em Portugal a 22 de Outubro de 2015, insere-se nos géneros de suspense, romance, drama e fantasia. O filme decorre no século XIX, nos primeiros minutos, passa-se nos EUA, onde Edith Cushing (Mia Wasikowska), uma jovem autora que é assombrada pelo fantasma da sua mãe, conhece Sir Thomas Sharpe (Tom Hiddleston) e, ao ficar sem o pai, o único familiar que lhe restava, muda-se para a mansão da família do marido, em Inglaterra, numa zona montanhosa e pouco habitada, num meio rural.
Quando chega à mansão, Edith começa a deparar-se com alguns fantasmas e entidades misteriosas que tanto Thom, como a sua irmã, Lucille Sharpe (Jessica Chastain) tentam esconder. A escritora começa também a reparar no facto estranho de Lucille carregar consigo um molhe de chaves para várias partes da casa cujos acessos seriam interditos, nomeadamente a cave, onde estavam alojados os poços de um conteúdo liquido vermelho, que aparentemente seria o barro vermelho liquido, que fazia parte do negócio da família Sharpe e que dava também o nome à colina da mansão.
No momento em que Thom conta a Edith que aquela colina é apelidada de Crimson Peak (a Colina Vermelha), porque no inverno, o barro liquido vermelho invade a neve, deixando um rasto vermelho, Edith recorda-se das assombrações da mãe, 14 anos antes, quando o seu fantasma surgia murmurando "Beware of Crimson Peak" (Cuidado com a Colina Vermelha). A partir dai, Edith começa a explorar a mansão e a desvendar alguns segredos, bem como a história macabra escondida dentro daquelas paredes.


Relativamente à história do filme, não me alongo mais, caso não tenham visto, para não estragar o suspense. Quanto à minha opinião, como disse, as expectativas eram muitas. Sei que alguns classificaram o filme como terror, mas acho que suspense é mesmo o mais correto. Além disso, o filme também tem algumas cenas assim um bocado gráficas e, claro, com muito sangue à mistura.
Se me perguntarem sobre o enredo, a história em si... Não é má e, apesar de, no começo ter criado logo uma expectativa do que seria o desenrolar do filme, posso dizer-vos que acabou por ser diferente do que parecia ser o previsto.



O que realmente não me desiludiu nem um pouco, pelo contrário, ainda gostei mais do que esperava, foi toda a imagem do filme. Os cenários, a mansão Allerdale Hall, na minha opinião está fantástica! Também gostei muito da representação da actriz Mia Wasikowska e do actor Tom Hiddleston que, tenho que confessar, foi o principal motivo para querer ver o filme. Não sei porquê, mas o personagem Thom Sharpe tem um ar sombrio, mas ao mesmo tempo fascinante e, tanto a caracterização do personagem (penteado, roupa, etc) como a representação do actor ajudaram e muito. E foi esse mesmo ar sombrio, mas convidativo, no cartaz que me deixou com vontade de ver o filme. Está visto que se fosse eu a Edith, também me tinha deixado convencer.



Para concluir, como disse, houve coisas que me agradaram, outras nem tanto (mas acho que isso prende-se mais com o desfecho e com o facto de gostar mais dos personagem "mau" que dos bons), mas no geral, gostei bastante do filme, acho que está muito bem conseguido e acho que visto num ecrã maior do que o do meu pc tinha sido algo ainda mais impressionante, no que toca à imagem. Para quem gosta do estilo, aconselho!
Aqui fica o trailer:


Já viram o filme? O que vos parece?

2 comentários:

  1. Eu vi este fim de semana. Gostei muito mais do filme do que do trailer!
    Beijinhos =)

    http://pinkivorymakeup.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Quando vi o trailer enamorei-me logo pelo filme! Quando finalmente o consegui ver...fiquei com a mesma opinião que tu. Cativa muito no início mas o fim...esperava mais! No entanto, aconselho a ver :)
    Beijinho*

    Cristiana Teixeira - Pink and Sparkle

    ResponderEliminar

A sua opinião é importante!
Deixe a sua opinião nos comentários :)

Google Analytics Alternative