Gastronomia | Caco: O Original

|
Já há algum tempo que não falava de comidinha aqui no blog, já estavam a estranhar?
Costuma dizer-se que as coisas que temos mais perto são as que menos conhecemos e, em parte, chega a ser verdade. O sitio de que vos venho falar hoje é caso disso. O "Caco" abriu em Campo de Ourique há já algum tempo e, embora lá passemos várias vezes, ainda não tínhamos entrado para experimentar. Esta semana, ou melhor, ontem, finalmente passámos por lá para almoçar.



Como disse, fomos ao Caco em Campo de Ourique, na Rua Ferreira Borges. O espaço é pequeno, no interior temos apenas uma pequena bancada com bancos, que parecem melhores para tomar café que propriamente para almoçar. Ficámos na esplanada, que também é pequenina, apenas com duas mesas, e tivemos sorte por não ter chovido. Cá fora é possível ver os bolos do caco e os pastéis e outros doces. O atendimento foi muito bom, a senhora que nos atendeu foi muito simpática e, como já sabem, isso para mim são sempre pontos muito positivos em qualquer espaço que visito. Vamos ao que interessa, a comida.


Eu e o João pedimos exactamente a mesma coisa, à excepção da bebida. Ele pediu coca-cola e eu optei por um sumo natural de maçã e cenoura, que estava no ponto! Quanto ao menu, escolhemos um bolo do caco com carne desfiada e pedimos um extra de queijo da serra, para acompanhar, batata frita (juro que pensei em pedir sopa, mas não resisti e desgracei-me nas batatas). 


O menu ficou aprovadíssimo. Deixem-me que vos diga que adoro bolo do caco, já o comi de várias formas: como "bifana", versão pão com chouriço, ou caco com chouriço (que bom), acabadinho de fazer com manteiga de alho e oregãos e agora este com carne desfiada. Gostei, a carne também era muito boa, mas a meio já estava um bocadinho cheia e enjoada... talvez tenha sido do queijo da serra, ficou um sabor muito forte. As batatas estavam uma delícia, não sei se são feitas por eles, se são de pacote, sei que tinham oregãos e eram bem boas, juntamente com o molho de alho.


Para acabar com chave de ouro, pedimos um café e um pastel típico dos Açores, o Pastel do Caco, de amêndoa e já não me lembro mais o quê. Só vos digo, não sou grande apreciadora de café, aliás, bebo muito poucos... Mas este bolinho podia muito bem servir de desculpa para o café se tornar um hábito diário. Adorámos o pequeno pastel, especialmente a ligação com o café. O tamanho é mesmo perfeito para isso e perfeito para não enjoar (sim, porque é bem docinho) e para ter vontade de lá voltar para mais um. Aliás, nós saímos de lá já a pensar que vamos voltar muito mais vezes mesmo para um cafezito e pastel que, apesar de tudo o resto estar fantástico, foi mesmo a nossa parte favorita, não fossemos nós uns gulosos.


Esta é mesmo para fazer inveja. Não apetece dar uma trinca?
Em Lisboa, além do espaço em Campo de Ourique, podem também encontrar o Caco no Mercado da Ribeira e em Benfica. Além da capital, o Caco também está em Leiria, Coimbra e Faro. Para mais informações aqui fica o site oficial: Caco, O Original e o Facebook: Caco, o Original.

Já conheciam o Caco, O Original? Quem é fã de bolo do caco?

4 comentários:

  1. Aqui em Leiria também há e já experimentei, é óptimo. A limonada é das melhores que já alguma vez bebi. E eu não gosto de bebidas com limão :p. Acho que ainda não experimentei esse pastel mas tem um aspecto upa upa. Fica par a próxima.

    beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Linda, nao conheçco o bolo do caco e me parece as mil maravilhas. Fiquei salivando com tudo!

    Beijos,
    DMulheres
    @dmulheres

    ResponderEliminar
  3. Não conhecia o espaço e nunca provei bolo do caco, mas tenho imensa curiosidade em fazê-lo!

    ResponderEliminar

A sua opinião é importante!
Deixe a sua opinião nos comentários :)

Google Analytics Alternative